domingo, 5 de julho de 2009

FESTIVAL AÉREO DIA FAP...

No dia 05 JULHO a abertura da Base Aérea nº. 1 ao público será às 09H00 com fecho às 21H00
Em parque exterior, com 12 500m2, estarão expostas 20 aeronaves, representando a história da Força Aérea, bem como um espaço de lazer dedicado aos mais radicais como sejam uma torre de escalada, rapel e slide. Também neste espaço poderá ser visitado um balão de ar quente pertencente aos Pára-Quedistas do Exército e o Centro de Treino Cinotécnico da Força Aérea (CTCFA) realizará para o público várias demonstrações com cães militares.
O dia 1 de Julho foi assinalado com uma Cerimónia Militar com desfile aéreo e das Forças em Parada que teve a presença de bastante público.
Do programa da Cerimónia Militar constou:
- às 10H00 a chegada dos visitantes ao local da cerimónia, tendo a entrada sido feita pela Academia da Força Aérea)
- às 11H30 deu-se inicio à cerimónia militar, sendo prestadas as honras militares ao General CEMFA , seguindo-se uma alocução feita pelo mesmo e a cerimónia de homenagem aos militares e civis da Força Aérea falecidos, com um minuto de silêncio e a passagem de quatro F16. Logo após, procedeu-se à imposição de condecorações e a um desfile das Forças em Parada e um desfile Aéreo, envolvendo cerca de 550 militares da Força Aérea, ao desfile das forças apeadas, com cerca de 415 militares, desfile das Forças Motorizadas , com 11 viaturase ao desfile Aéreo com várias aeronaves. Estas Cerimónias Militares terminaram cerca das 12H45.
As Comemorações intensificaram-se a partir do dia 3 com a entrada em exposição do balão de ar quente e com a chegada das aeronaves convidadas, nacionais e estrangeiras, que foram parqueadas na BA1 para o Festival Aéreo Internacional de hoje, elevando-se o número de aeronaves visitáveis para 40. Hoje é o último dia das Comemorações, que irá ser preenchido com o Festival Aéreo Internacional, em que poderão ser vistas entre as 09H00 e as 18H00, demonstrações das Patrulhas Acrobáticas da Força Aérea, os Asas de Portugal e os Rotores de Portugal, e também algumas patrulhas nacionais civis e aeronaves militares e civis estrangeiras, como por exemplo o caça Eurofighter espanhol. Na organização e condução de todos estes eventos, estiveram envolvidos directamente cerca de 1000 militares, com o restante dispositivo da Força Aérea a prestar apoio de bastidores e o planeamento e execução da Exposição Temática, da Cerimónia Militar e do Festival Aéreo a serem tratados como se fosse uma operação militar.

A Força Aérea irá assim pôr à prova e treinar as suas capacidades de resposta logística, bem como a flexibilidade e a mobilidade que são características do Poder Aéreo.
Fonte: FAP

Sem comentários: